Transição capilar: o que é, quanto tempo dura e como iniciar o seu processo

Mulher ruiva, com o cabelo cachead preso em um coque.
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Quando o assunto é transição capilar, muitas pessoas têm dúvidas de como funciona o processo e quais as principais dificuldades desse período. Afinal, ela é uma etapa obrigatória para quem decide assumir os cabelos crespos ou cacheados.

Pensando nisso, o blog do Mundo preparou dicas especiais sobre as melhores finalizações, o crescimento do cabelo, como tratá-lo e muito mais. Para conferir tudo, pegue caderno e caneta e continue nos acompanhando!

O que é transição capilar?

Mas, afinal, o que é transição capilar? É um processo em que a pessoa para de usar químicas que alteram a estrutura do fio, para assumir os cabelos naturais. Além disso, ela pode ser vivida de duas maneiras: cortar o comprimento em que haja química ou manter esse comprimento.

Quem opta pela primeira opção, geralmente, corta o cabelo bem curtinho — processo conhecido como big chop — e espera que as madeixas cresçam novamente. Assim, evita lidar com a diferença de texturas entre a raiz e a química presente no cabelo.

Já quem escolhe a segunda, continua com o cabelo longo, entretanto, precisa aprender a lidar com a diferença de texturas. Afinal, essa mistura de fios lisos e cacheados/crespos dificulta a estilização da madeixa e o tratamento dos fios.

Vale lembrar que, seja cortando ou mantendo o comprimento, aprender a cuidar do cabelo em transição capilar é essencial para alcançar bons resultados. Isso porque ele acaba ficando mais frágil e você está redescobrindo como é ter o fio natural.

Quanto tempo dura?

Finalmente a pergunta que não quer calar “quanto dura o cabelo em transição?” A verdade é que não há um tempo exato para o processo. Até porque depende da velocidade de crescimento do seu cabelo e do comprimento que deseja alcançar.

Além disso, há pessoas que acreditam que o fim da transição acontece ao fazer o big chop. Enquanto outras defendem que, mesmo após o corte, a etapa só termina quando você conquista seu objetivo.

A verdade é que, seja de uma forma ou de outra, ela exige muita determinação e paciência. Por isso, é importante lembrar que ela é uma fase com começo, meio e fim. E, quando vencê-la, você vai se sentir gratificada por todo o processo de transição capilar.

Como iniciar minha transição capilar?

Depois de descobrir diversas informações sobre a transição, chegou a hora de começar a sua. Pensando nisso, fizemos um passo a passo para ajudar você nesse processo.

O primeiro passo é interromper o uso de produtos químicos. Você ainda pode utilizar chapinhas e modeladores, mas o ideal é que seja de forma reduzida. Depois disso, após um mês, é possível ver a diferença entre as texturas do comprimento e da raiz.

Para minimizar essas diferenças, você pode investir em penteados, como o coque ou o rabo de cavalo, ou em acessórios. As tranças também são ótimas opções para te ajudar nesse momento.

Meses depois, quando a raiz ficar ainda mais aparente, você pode investir em texturizações — técnica para disfarçar a diferença entre a raiz e os fios com química. Quando estiver confortável com o comprimento, o big chop pode ser realizado.

Os produtos para transição capilar também são excelentes aliados nesse momento, como os shampoos, os condicionadores, as máscaras e os finalizadores. Com eles, você consegue manter a nutrição e a hidratação dos fios, além de poder modelá-los.

Big chop ou BC

O big chop é uma expressão em inglês que significa “grande corte”, que se refere à decisão de cortar toda a química existente no cabelo. Esse método pode ser usado tanto para quem optar pelo cabelo curto quanto para quem deixou a madeixa crescer.

Além do mais, é válido esclarecer que esse passo não é obrigatório durante o processo. Isso porque quem é paciente pode ir cortando o cabelo à medida que a madeixa for crescendo, até remover toda a química.

Pontos para considerar antes da transição capilar

Como podemos ver, iniciar a transição capilar é uma decisão importante e que requer muita persistência. Por isso, para que você consiga lidar com essa etapa da melhor maneira, alguns pontos precisam ser considerados.

O primeiro ponto é a adaptação, afinal, caso você tenha passado muitos anos com os cabelos alisados, será preciso se readaptar com o natural. Mas não se preocupe, pois sua autoconfiança vai voltar conforme a madeixa for crescendo.

O outro ponto é que infelizmente, as mesmas críticas que as mulheres receberam por ter cabelos cacheados e crespos vão receber por voltar a tê-los. Por isso, é importante focar no seu objetivo e lembrar que essa fase logo vai passar.

Conheça os produtos do Mundo do Cabeleireiro

Agora que você já sabe tudo sobre a transição capilar, nada melhor do que encontrar os produtos certos para te ajudar nessa etapa. Afinal, nesse momento, seu fio precisará de muito carinho e dedicação.

Ainda não sabe onde adquirir esses produtos? No Mundo do Cabeleireiro, você encontra suas marcas favoritas, além de formas de pagamento por boleto ou cartão de crédito. Acesse nossa loja on-line para conferir tudo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes